filmesp_mostra_internacional_de_cinema_de_sao_paulo_curta_metragem_vr_realidade_virtual_gratis

Mostra Internacional de Cinema de São Paulo – Filmes em Realidade Virtual (VR)

A Mostra Internacional de Cinema de São Paulo está em sua 43° edição e entre sua incrível e gigantesca programação a mostra exibe no CineSesc e no Circuito SPCine a mais recente produção em realidade virtual.

 

Com filmes que passaram por festivais como Veneza, SXSW, Tribecca e Sundance, os 19 curtas fazem parte da seleção de curtas em realidade virtual durante a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo que acontece entre 17 a 30 de outubro.

 

A programação conta com o filme brasileiro, A Linha, de Ricardo Laganaro, vencedor do Prêmio VR Experience no Festival de Veneza, também compõem a lista o chinês Chuang – Através das Imagens, dirigido por Qing Shao, exibido em Veneza neste ano, Últimos Suspiros: Um Oratório Imersivo, de Lena Herzog, que integrou a seleção dos festivais SXSW e Sundance, e Ayahuasca – Viagem Cósmica, de Jan Kounen, exibido em Tribeca.

 

Destaque é para o curta Fogo na Floresta de Tadeu Jungle, o curta conta o cotidiano da aldeia Piyulaga, do povo Waurá, uma etnia de 560 pessoas que vivem no Parque Indígena do Xingu, no Mato Grosso. Realizado em 2017, trata-se de um alerta para o fogo que saiu do controle e ameaça as florestas e a vida no Xingu.

 

Mostra Internacional de Cinema de São Paulo – VR 2019

Quando: de 17 a 30.10 (Datas alternadas no CEU)
Quanto: Grátis com retirada de ingresso com 1h de antecedência (1h30 para os portadores da credencial Plena Sesc)
Onde: CineSesc e CEU
Site: Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

*A sessão acontece de hora em hora e em grupos de 7 pessoas

_Programação_

 

_Programação no CINESESC_

1. 11.11.18, de Django Schrevens e Sébastien Tixador

2. -22.7: EXPERIÊNCIA DO EXTREMO NORTE, de Jan Kounen, Molécule & Amaury La Burthe

3. A LINHA, de Ricardo Laganaro

4. A PONTE, de Nikita Shalenny

5. ARMONIA, de Bracey Smith

6. AYAHUASCA – VIAGEM CÓSMICA, de Jan Kounen

7. CHUANG – ATRAVÉS DAS IMAGENS, de Qing Shao

8. CLAUDE MONET, THE WATER LILY OBSESSION, de Nicolas Thépot

9. CRIANÇAS NÃO BRINCAM DE GUERRA, de Fabiano Mixo

10.EX ANIMA, de Pierre Zandrowicz, Bartabas

11.FOGO NA FLORESTA, de Tadeu Jungle

12.GYMNASIA, de Chris Lavis, Maciek Szczerbowski

13.INTIMIDADES: POR FELIX VALLOTTON, de Martin Charrière

14.O COLECIONADOR DE SONHOS, de Mi Li

15.SEGUNDO PASSO, de Jörg Courtial

16.SHENNONG, O GOSTO DA ILUSÃO, de Zheng Wang e Mi Li

17.SONGBIRD, de Lucy Greenwell

18.ÚLTIMOS SUSPIROS: UM ORATÓRIO IMERSIVO, de Lena Herzog

19.UM OUTRO SONHO, de Tamara Shogaolu

 

_Programação no Circuito CEU_

CEU Aricanduva 17/10
CEU Caminho do Mar 20/10
CEU Meninos 23/10
CEU Vila Atlântica 24/10
CEU Jaçanã 27/10
Centro de Formação Cultural da Cidade Tiradentes 30/10

1. ARMONIA, de Bracey Smith

2. CHUANG – ATRAVÉS DAS IMAGENS, de Qing Shao

3. FOGO NA FLORESTA, de Tadeu Jungle

4. O COLECIONADOR DE SONHOS, de Mi Li

5. SHENNONG, O GOSTO DA ILUSÃO, de Zheng Wang e Mi Li

_Sinopse_

 

SEGUNGO PASSO
Alemanha, dir. Jörg Courtial
Uma jornada pelo espaço, da Lua até Marte e além, e o espectador tem a sensação de ser levado a mundos alienígenas e desconhecidos.

 

11.11.18
Bélgica, França, dir. Sébastien Tixador e Django Schrevens
Em 11 de novembro de 1918, no coração de uma trincheira, o sargento Broulard ficou gravemente ferido. Diante de seus olhos, a história pode mudar.

 

INTIMIDADES, POR FELIX VALLOTTON
Suíça, dir. Martin Charrière
Em 1898, o artista suíço Félix Vallotton produziu uma série de xilogravuras intituladas Intimités, que representam dez momentos na vida amorosa da famosa pianista parisiense Misia Sert. Para revisitar o trabalho, este projeto de realidade virtual imagina o que a musicista responderia a Vallotton.

 

A PONTE
Ucrânia, dir, Nikita Shalenny
O espectador vai além do horizonte, em uma jornada compactada de 40.000 quilômetros ao redor do mundo. Um jogo de azar na calada da noite em que o resultado é uma linha traçada de uma ponte até mais além no mundo.

 

SONGBIRD
Dinamarca e Reino Unido, dir. Lucy Greenwell
Um conto de fadas sombrio, que nos leva à ilha de Kauai em 1984 e a uma réplica de uma floresta exuberante cheia de pássaros coloridos. Aqui, você está convidado a procurar o último “ōʻō”, um pássaro preto icônico com penas amarelas nas pernas, que canta uma bela canção, e cuja existência foi ameaçada até a extinção.

 

ÚLTIMOS SUSPIROS: UM ORATÓRIO IMERSIVO
EUA, dir. Lena Herzog
Em uma velocidade sem precedentes, mais rápida que a extinção de espécies ameaçadas, estamos perdendo nossa diversidade linguística —e os meios pelos quais nos conhecemos. Este oratório imersivo é uma invocação das línguas que foram extintas e um encantamento para as que estão em perigo.

 

GYMNASIA
Canadá, dir. Chris Lavis e Maciek Szczerbowski
Adentre na quietude de uma escola abandonada e entre na Gymnasia, um lugar onde as coisas efêmeras e fantasmagóricas de uma infância perdida esperam por você. Lembre-se das imagens e dos sons específicos do mundo infantil através dos ecos de jogos de bola, das lições escolares e dos recitais de coral. Gymnasia reanima as memórias daqueles dias esquecidos.

 

FOGO NA FLORESTA
Brasil, dir. Tadeu Jungle
O filme passeia pelo cotidiano da aldeia Piyulaga, do povo Waurá, uma etnia de 560 pessoas que vivem no Parque Indígena do Xingu, no Mato Grosso, e revela que os índios mantêm sua cultura tradicional ao mesmo tempo em que incorporam hábitos e tecnologias dos “brancos”. Trata-se também de um alerta para o fogo que saiu do controle e ameaça as florestas e a vida no Xingu.

 

EX ANIMA
França, dir. Pierre Zandrowicz e Bartabas
Em um espaço vazio, surgem cavalos. Eles emergem da escuridão, ora devagar, ora galopando. À medida que os bichos dançam, o espectador aos poucos se transforma também em um cavalo.

 

CLAUDE MONET – THE WATER LILY OBSESSION
França, dir. Nicolas Thépot
Por meio de um diálogo entre Claude Monet e seu velho amigo, o estadista George Clemenceau, essa experiência contemplativa de realidade virtual convida o espectador a uma jornada sensorial, começando pelo jardim do pintor.

 

CHUANG – ATRAVÉS DAS IMAGENS
China, dir. Qing Shao
Viaje pelas muitas realidades abstratas e pelas janelas da mente. Você pode acabar em uma magnífica biblioteca ou em um quarto isolado de uma menina com deficiência. Um filme sobre autodescoberta e exploração interior

 

CRIANÇAS NÃO BRINCAM DE GUERRA
Uganda, Brasil, EUA, dir. Fabiano Mixo
Aloyo, uma menina de 12 anos, se junta a um grupo de crianças reunidas ao redor do fogo para contar a história delas na guerra de Uganda e o que testemunharam. Combinando as antigas tradições das narrativas orais às novas técnicas da realidade virtual, o filme narra as memórias, os sonhos e o cotidiano das crianças que retornaram e recuperaram sua juventude.

 

AYAHUASCA – VIAGEM CÓSMICA
França, Luxemburgo, Bélgica, dir. Jan Kounen
Tome uma dose virtual de Ayahuasca e experimente o poder mágico e curador do chá. Uma experiência visionária por meio dos reinos das plantas medicinais, liderada pelos indígenas Shipibo, tradicionais curandeiros da floresta amazônica. Essa vivência alucinante é uma viagem por uma das práticas espirituais mais misteriosas do planeta.

 

ARMONIA
EUA, dir. Bracey Smith
Um pássaro fantástico passa por um difícil período de transição. O animal colorido começa a desmoronar. À medida que ele se desmonta, sopra uma vida nova aos seus pedaços quebrados.

 

UM OUTRO SONHO
Holanda, EUA, Egito, dir. Tamara Shogaolu
Another Dream é um documentário que mistura animação e realidade virtual, e dá vida à emocionante e verdadeira história de amor de um casal de lésbicas egípcias que escapa do Cairo em busca de asilo e aceitação na Holanda.

 

A LINHA
Brasil, dir.Ricardo Laganaro
O filme leva o espectador a uma maquete da São Paulo dos anos 1940. Na trama, dois bonecos em miniatura chamados Pedro e Rosa são perfeitos um para o outro, mas relutam em romper as fronteiras para viver sua história de amor.

 

-22.7: EXPERIÊNCIA NO EXTREMO NORTE
França, Canadá, Bélgica, dir. Jan Kounen, Molécule e Amaury La Burthe
O produtor musical Molécule se hospedou em um vilarejo na Groenlândia, onde gravou sons do Ártico para compor uma música. Acompanhamos Molécule em sua aventura no extremo norte, em uma imersão musical e sensorial.

 

 

 


Cinesesc
R. Augusta, 2075 – Cerqueira César, São Paulo – SP, 01413-000
CEU Aricanduva – Rua Olga Fadel Abarca – Jardim Santa Terezinha
CEU Caminho do Mar – Rua Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 5241 – Jabaquara
CEU Meninos – R. Barbinos, 111 – São João Clímaco
CEU Vila Atlântica – Rua José Venâncio Dias, 840 – Jardim Nardini
CEU Jaçanã – Rua Francisca Espósito Tonetti, 105 – Jardim Guapira
Centro de Formação Cultural da Cidade Tiradentes – Avenida Inácio Monteiro, 6900- Cidade Tiradentes

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.